Uma Prática da Verdadeira Caridade

0
863
                                     

O
Mestre já dizia quando a caridade definia:
indulgência para com as
faltas alheias,
para com os erros do nosso
irmão;
indulgência é clemência,
remissão de penas,
indulto e perdão.
Orienta-nos
o evangelho de Jesus
através dos mensageiros de
luz,
pela vivência e experiência,
que compreendem na prática
da indulgência:
ter sentimentos de doçura e
fraternidade;
não ver os defeitos dos
outros, ou, se os vê evita falar e divulgar;
preocupar com os atos dos
outros somente como aprendizagem pessoal;
não fazer observações
chocantes e censuras;
aconselhar com mansidão.
Sede,
pois severos convosco, indulgentes para com os outros;
não julgueis com severidade
senão as suas próprias ações;
o Senhor usará de
indulgência para convosco, como dela usaste para com os outros.
A
Indulgência, portanto, é uma prática da
verdadeira caridade
e ela é modesta e humilde.

Lenildo Solano

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui