PROVIDÊNCIA DIVINA

0
596
Reunido conosco ao lado do pé de romã
onde ele gosta de fazer suas leituras e reflexões o tio Lico disse, hoje eu vou
contar o caso da tia Teodora. Mulher humilde de pouco estudo, mas de muita
sabedoria, sentar ao seu lado era um prazer; sempre aprendíamos com sua
conversa delicada e instrutiva.
Criou seus filhos após o
falecimento do esposo, que deixou todos pequenos, com lavagem de roupas e
confecção de bolos.
Pessoa de fé ativa e praticante
árdua da caridade. Atendia toda tarde em sua casa as pessoas que a procuravam,
crianças, adultos e idosos, aplicava passes e benzia.
Entre os muitos casos que ela
contou sobre o poder da fé, vamos lembrar este:
Certo dia ela não tinha nada para
fazer no almoço e um dos filhos menor disse, mamãe estou com fome, a senhora
não vai fazer nada para comer? Ela olhou para o filho e falou: Espera meu filho
que Jesus vai mandar. Passado algum tempo o mesmo menino disse, aí mamãe até a
aranha tá comendo o bichinho e nós não vamos comer? Novamente ela fala: Espera
meu filho que Jesus vai mandar.
Em seguida um seu compadre a
chama dizendo, eu senti a presença do compadre orientando-me a providenciar
este mantimento para a senhora fazer o almoço das crianças.
Ela pegou olhou para o céu e
agradeceu.
A tia faleceu deixando os filhos
criados e bem empregados.
– Foi ou não foi a providência
divina que agiu onde a fé estava presente?
– Pedir com sinceridade, humildade
e fé que obteremos!
Lenildo Solano
06/11/2013

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui